DAY 2 – Fernando de Noronha

11 de agosto de 2017 · By Yoschabel Fernandes

Olá, meninas!

Dando continuidade a minha viagem a Fernando de Noronha, venho aqui falar um pouco sobre o meu segunda dia nessa ilha que já deixou saudades.

Foi um dia todo de passeio, escolhemos fazer o passeio do Ilha Tour que começa de 8 horas da manhã e vai até as 16:30, onde conhecemos 80 % de todas as praias.

O carro nos pega na pousada e segue o passeio, passando pelas praias, descendo em todas para fazer fotos, mergulhar, almoçar e terminar olhando o pôr do sol.

Cada praia é mais linda que a outra, cada mergulho nos deixa mais encantada com tudo que tem no fundo do mar.

Nosso primeiro mergulho foi na Praia do Sancho que é uma baía de águas claras, localizada a oeste do Morro Dois Irmãos e a leste da Baía dos Golfinhos.

A praia é isolada, coberta por vegetação nativa, tem areia branca e mar verde-esmeralda.

Nosso segundo mergulho foi na Baía dos Porcos que também é considerada uma das praias mais bonitas do Brasil. É ótima para snokel e você pode, inclusive, observar tartarugas por ali. A praia tem uma tonalidade esverdeada lindíssima, só vendo, ao vivo, para acreditar na beleza. Na maré baixa, formam-se piscinas naturais com peixinhos lindos.

Há, ainda, uma piscina lindíssima no canto esquerdo da praia. Nela,  infelizmente, não é permitida a entrada, para preservar os corais e os peixes que ali estão, mas vale a pena olhar de cima e tirar belas fotos.

O acesso a essa praia é feito pela Praia Cacimba do Padre, subindo e descendo uma escadaria e depois passando por um lance de pedras. Assim como a outras praias, o acesso não é tão simples, mas vale muito a pena, pois é uma vista incrível.

Nosso almoço, nesse dia, foi na Cacimba do Padre, onde comemos o famoso peixe na folha da bananeira.

Para finalizar o dia, fomos jantar no Bar do Cachorro que foi uma dica de vocês seguidoras, onde também foi super aprovado por mim e todos que estavam comigo.

E assim acabou o meu segundo dia, nesse paraíso, chamado Noronha.

Beijos,

Yoschabel Fernandes

Deixe um comentário

*